Graças ao sistema tradicional de criação de animal para alimentação humana, os criadores de um modo geral, conseguiram melhorar as características da produção animal, operando a seleção de espécies geneticamente superiores com base nos valores genéticos obtidos através da combinação de informações fenotípicas com informações genealógicas.

O progresso da tecnologia molecular e da ciência bioinformática atualmente permitem usufruir da seleção genômica, um instrumento capaz de aumentar o progresso genético. A seleção genômica se baseia no princípio de que as informações recolhidas diretamente do DNA graças a um alto número de marcadores genéticos possam ser utilizadas para estimar os valores genéticos genômicos dos individuos com precisão e rapidez.

Graças a seleção genômica, a estimativa dos valores genéticos é desvinculada do sexo e permite melhorar qualquer característica nova ou emergente (por exemplo, a eficiência da conversão alimentar, a redução da emissão de metano e a resistência a determinadas doenças).

Para poder aplicar a seleção genômica foram redefinidos os esquemas de seleção, desenvolvidos novos algoritmos de cálculo e imputação de dados e novos métodos estatísticos. Além disso, foram feitos esforços para superar os inconvenientes operativos e logísticos, por exemplo na recuperação de amostras biológicas da população referida.

Aplicar os princípios e métodos da seleção genômica ao rebanho permite ao produtor de: 1) alcançar um rápido progresso genético graças a utilização de touros genômicos; 2) otimizar o retorno selecionando as melhores novilhas; 3) vender as novilhas com elevado índice genômico a um preço superior; 4) otimizar o planejamento do acasalamento dentro do rebanho para desfrutar ao máximo a genética do estábulo, mantendo o controle sobre a consanguinidade; 5) aumentar os níveis de precisão no registro de parentescos; 6) evitar as malformações congênitas.

O curso é projetado para ilustrar esses temas e para fornecer informações essenciais sobre a seleção genômica, focando particularmente em sua aplicação prática no controle do rebanho. Além disso, ao longo do curso será debatido sobre o futuro da tecnologia molecular e das novas características fenótipicas que podem ser implantadas nas fazendas de criação animal.

Visitas didáticas a estruturas de referência e encontros com especialistas do setor completarão o processo formativo.

- Segunda:

Instrumentos de seleção tradicional

Instrumentos de análise molecular de última geração

- Terça:

Princípios básicos da seleção genômica

- Quarta:

Tour pela EXPO Milano 2015

- Quinta:

A utilização prática da seleção genômica na criação animal

- Sexta:

A zootecnia de precisão

Fenótipos para o futuro

Estamos a recolher assinaturas para una nova edição do curso. Para mais informações entre em contato com o secretário de CEEP: info@cremonafoodvalley.com

Period

FromJune 8th 2015
ToJune 12th 2015

Language

O curso será ministrado em língua inglesa, porém ele pode ser acompanhado em outros idiomas mediante solicitação formal antecipada.

Participation Fee

A taxa de inscrição do curso é de 1,600.00 euros. Aos participantes que confirmarem a inscrição até o dia 10 de março de 2015 será dado um desconto de 20% (taxa de inscrição = 1,280.00 euros).

Se dois ou mais membros da mesma organização se inscreverem no mesmo curso, será aplicada a taxa total ao primeiro participante, e os outros membros pagarão uma taxa reduzida no valor de 1,200.00 euros.

As inscrições para o curso ZOO05 se encerram no dia 24 de abril de 2015.

O valor da taxa de inscrição inclui:

O material para o curso, o uso da estrutura e dos serviços disponíveis na sede do curso, as visitas guidas, o traslado para a EXPO Milão 2015 + o bilhete de entrada, o almoço de segunda, terça, quinta e sexta, um jantar de gala e um evento especial e por fim, o jantar que encerra o evento.