Monumentos e Museus de Crema

A Torre Cívica

Também chamada de Torre Guelfa, a partir de 1286 se sobressai na ala norte da Prefeitura. Como sobre o Torrazo, também aqui se destaca a efígie do Leão de São Marcos, proveniente de Porta Ripalta, uma das quatro entradas originais para a cidade. Ultrajado em 1797 pelos franceses, o Leão foi restaurado em 1881 pelos cidadãos de Crema.

Porta Serio and Porta Ombriano

Rebuilt in Neoclassical style between 1805 and 1807, the arch of “Porta Serio” dominates the eastern side of “Piazza Garibaldi”. Featuring three arches, “Porta Serio” was constructed using beams supported two lateral pillars and the two central columns. In the same period “Porta Ombriano” was also rebuilt, but for sheer ornamental purposes.

Os Museus

Sede do Museu Cívico de Crema é o antigo convento de Santo Agostinho. As ricas coleções arqueológicas, históricas, artísticas e etnográficas fornecem uma visão ampla da história e da cultura do território cremasco desde suas origens até os dias atuais. A coleção de máquinas de escrever adquirida recentemente documenta um dos aspectos mais significativos da produção industrial cremasca do século XX.

As seções do museu:
Seção de Arte
Secção de Arqueologia
Seção de Arqueologia Fluvial
Seção de História
Seção de Música e Cenografia
Reconstrução de uma casa cremasca
Le Machinète - Escrita, tecnologia e design

O Torrazzo

Originalmente o Torrazzo, instalado perto da Prefeitura, tinha funções defensivas, visto que era a porta da cidadela fortificada e protegia a entrada na cidade. Foi construído junto com o próprio Palácio, mas a partir de 1525 assumiu apenas funções ornamentais e viu a adição da parte superior. No lado voltado para a Piazza Duomo mostra o brasão de Crema, restaurado em 2004, em um cenário arquitetônico. No lado voltado para Via XX Settembre, se identifica a mesma composição e se destaca entre janelas, o Leão de São Marcos, presente de Francisco II Sforza. Porta Serio e Porta Ombriano Reconstruído em estilo neoclássico, em 1805-1807, o arco da Porta Serio tem três arcos e fecha a leste da piazza Garibaldi. Este arco tem entablamento apoiado por duas pilastras e duas colunas jônicas. Também Porta Ombriano foi reconstruída em 1805-1807, com mero fim ornamental, pelo mesmo arquiteto.

O Mercado Austro-Húngaro

Localizado em frente ao palazzo Benzoni-Donati, foi projetado em estilo tardo neoclássico em 1825 pelo arquiteto Baldassarre Corbetta em memória à visita do Imperador Francisco I e foi construído em 1842 para ser ocupado por vendedores de trigo, de cereais, de linho e de bichos da seda. No centro da piazza Trento e Trieste fica o Monumento ai Caduti da Primeira Guerra Mundial, do escultor Dazzi.

Os Muros Vênetos

Durante o domínio vêneto, que durou mais de três séculos, foi projetado e construído um sistema defensivo que influenciou tanto a estrutura urbana quanto a rede rodoviária da cidade, incorporando os antigos muros federicianos: os Muros Vênetos. As cortinas maciças, até 1,30 metros de espessura e 2.844 metros de comprimento, correm ao longo de um caminho ainda intuído embora invisível.

 

 

Discover more about Crema at: http://turismocrema.com/index.html